BPS – Base Petista e Socialista

Base Petista e Socialista (BPS) é uma tendência interna do PT-DF, criada pouco antes do primeiro Processo de Eleições Diretas (PED) do PT, em 2001. A BPS foi fruto de um intenso debate entre uma série de setores do partido e é formada por várias lideranças intermediárias, muitas vezes discriminadas e desvalorizadas pelas tendências tradicionais.

Do grupo original que discutiu e formou a primeira Chapa Regional da BPS, destacou-se o liderado por Hélio José da Silva Lima, na época presidente do PT-Taguatinga e foi eleito secretário de Organização do PT-DF. Esse grupo, formado por uma série de companheiros que haviam rompido com a tendência Articulação Unidade na Luta, adotou como programa da tendência a proposta dos 13 pontos programáticos (veja abaixo).

A partir desse início forte e representativo – que conseguiu inclusive levar seu candidato à presidência regional do PT-DF, Chico Pereira, para o segundo turno das eleições –, a BPS se espalhou por Brasília. A tendência unificou vários setores e lideranças intermediárias do Movimento Popular e Sindical do DF, defendendo de forma firme e atuante seus 13 pontos programáticos. Entre eles, se destacam a defesa intransigente da valorização das lideranças intermediárias, com a inclusão social prioritária dos militantes petistas; o apoio incondicional às causas sociais, aos movimentos populares por moradia e melhores condições de vida; a defesa do fim do coronelismo e das candidaturas prioritárias dentro do PT; e a descentralização do PT com o fortalecimento das zonais e dos núcleos de base.

A BPS acredita piamente no retorno do PT ao governo do DF em 2010. Por isso, propõe a unidade geral do PT-DF em torno dos companheiros Agnelo e Magela, candidatos majoritários, e defende o retorno da militância às ruas, dando um banho de vermelho no azul da corrupção rorizista e no verde podre arrudista.

A BPS se coloca à disposição para a discussão e pactuação da grande unidade para eleger uma grande bancada de deputados distritais, de deputados federais, de senador e para dar a vitória à nossa candidata a presidente da República. Dilma Roussef. Por isso, a BPS continua defendendo intransigentemente os seus 13 pontos programáticos e não lançará nenhum candidato a deputado, pleiteando tão somente a indicação da primeira suplência do Senado Federal.

Os 13 pontos programáticos da BPS

1 – Total apoio às lideranças intermediárias e à militância do PT, com a luta incessante pela inclusão social prioritária dos militantes como forma de reconhecimento e valorização;

2 – Por uma política de formação que qualifique a atuação dos dirigentes e militantes, melhorando a nossa intervenção nos movimentos sociais e nos debates;

3 – Total apoio às associações, cooperativas, sindicatos, rádios e prefeituras comunitárias, setoriais e aos núcleos de base do PT;

4 – Diálogo respeitoso e compreensivo com as diversas tendências e forças internas do PT, garantindo um partido democrático e sem donos;

5 – Valorização da juventude com a busca constante de políticas públicas que atendam seus anseios e o apoio à organização de grêmios estudantis, centros acadêmicos e as suas mais diversas formas de luta e manifestação;

6 – Resgate do PT das origens e de massas, com a priorização dos núcleos de base, do trabalho rua a rua, quadra a quadra, mantendo um diálogo permanente com a sociedade;

7 – Pela não existência de candidaturas prioritárias, pelo apoio a todos que sejam aprovados em convenção partidária, dando oportunidade igual a todos e abolindo a política do caciquismo;

8 – Total apoio e defesa ao presidente lula e ao nosso governo, combatendo de forma firme e intransigente todo e qualquer tipo de corrupção e punindo os responsáveis;

9 – Defender todo e qualquer processo de investigação interna ou externa, garantindo a todo o acusado amplo e irrestrito direito de defesa e mantendo o diálogo permanente no sentido de evitar qualquer tipo de prejulgamento;

10 – Valorização da vida com a defesa intransigente de políticas públicas de transporte, habitação, saúde e educação. Defesa do verde, do meio-ambiente e de um desenvolvimento sustentável e ecológico que atendam aos reais interesses da nossa sociedade;

11 – Por um partido que mantenha permanente relação com as bancadas distritais e federais, com a base aliada, com os movimentos sociais, com o governo e que atue de forma propositiva e autônoma;

12 – Total apoio as zonais, com a continuidade da descentralização administrativa e organizacional; dando continuidade à política de estruturação e manutenção de repasses mensais na totalidade de contribuição de seus filiados;

13 – Pela garantia da democracia interna com respeito às instâncias, aos dirigentes e às decisões partidárias;

Junte-se a nós na BPS – Base Petista e Socialista

Tendência interna do PT – DF na defesa do “PT das Origens”.

Coordenador regional: Hélio José da Silva Lima,
Contatos: 061.9963.4694 (celular), heliopt13@ig.com.br e basepetista@bps.org.br.

Representantes Regionais:
Direção Regional do PT-DF 2010: Hélio José da Silva Lima (Taguatinga), Tereza de Jesus Furtado de Oliveira (Taguatinga), Eriko Rodrigues (Ceilândia), Wilson da Silva Lima (Candangolândia), Albertino Nascimento Pereira da Silva (São Sebastião), Maria José da Silva (Recanto das Emas), Lucia Maria de Aquino (Taguatinga), Iran Alves Magalhães (Taguatinga), José Antonio Maria Gonçalves (Santa Maria);
Conselho de Ética: Edy Gonçalves Mascarenhas (Taguatinga) e José Alves Pimenta Filho (Plano Piloto);
Conselho Fiscal: Josmailton (Recanto das Emas) e Laelson Leonardo da Silva (Paranoá); Selma Aparecida Costa Santos – Conselheira Tutelar de Ceilândia.

Representantes zonais:
Recanto das Emas: Elimar Carvalho da Silva – presidente do PT. São Sebastião: Alcides Gomes Araujo Filho – presidente do PT. Taguatinga: Juscelino Mariano da Silva – ex-presidente do PT. Candangolândia: Wilson da Silva Lima – secretário de Políticas Públicas do PT-DF. Ceilândia 8: Eriko Rodrigues – secretário de Inclusão Social do PT-DF. Paranoá: Laelson Leonardo da Silva – secretário-geral do PT. Gama: Maria Luzeni da Silva – direção do PT Gama. Cruzeiro: Angelita Bento da Luz – Direção do PT Cruzeiro. Plano Piloto: José Alves Pimenta Filho – Conselho de Ética do PT DF. Guará: Roslano Jefersson –  delegado regional do PT. Samambaia: Fernando Francisco Rocha – Direção do PT Samambaia. Planaltina: José Raimundo dos Santos – delegado regional do PT. Santa Maria: José Antonio Maria Gonçalves – tesoureiro do PT e da Direção Regional do PT. Águas Claras: Iran Alves Magalhães – conselheiro tutelar e da Direção Regional do PT. Ceilândia 16: José Carlos Sardenberg da Silva – Direção do PT. Ceilândia 12: José Pereira Lima – Direção do PT

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Últimas atividades

Diretório Regional do Partido dos Trabalhadores do DF

Diretório Regional do Partido dos Trabalhadores do DF

SCS QD 01 Bloco 1 Ed. Central 6 andar

61 3225-5103

contato@ptdf.org.br