Grandeza e coragem dos ativistas em greve de fome contam com a solidariedade da Bancada do PT

Solidarizar e apoiar os setes militantes dos diferentes movimentos sociais que lutam por justiça e se encontram em greve de fome há nove dias, é mais uma das trincheiras da Bancada do Partido dos Trabalhadores na Câmara que se dedica, com afinco, em defender o povo brasileiro da tirania de governantes sem escrúpulo e sem compromisso com o País. Nesta quarta-feira (8), os ativistas que se encontram fracos e debilitados por esse gesto de grandeza e coragem em nome da democracia e justiça, receberam o carinho e a solidariedade dos deputados, Marco Lula Maia (PT-RS), Leo de Brito Lula (PT-AC) e Rubens Lula Otoni (PT-GO).

“O que nós estamos assistindo nesse movimento democrático, cívico e solidário destes trabalhadores do campo e da cidade é simplesmente a afirmação da indignação contra esse comportamento do judiciário, de manter o presidente Lula preso político e querer impedi-lo de disputar a eleição”, observou Marco Maia.


Foto: Gustavo Bezerra
Para ele, a vontade do povo brasileiro é ver Lula presidente, “revogando tudo aquilo de ruim que tem sido feito pelo governo golpista contra os trabalhadores do nosso País”.

O parlamentar gaúcho reafirmou o compromisso da bancada petista que, segundo ele, “está imbuída de sua missão e responsabilidade de ajudar, sustentar e dar todo o apoio necessário a esse movimento solidário e cívico que é realizado pelo MPA, pelo Levante da Juventude, pelo MST e pelos movimentos sociais”.

O deputado Leo de Brito avaliou que a medida adotada pelos militantes dos movimentos sociais é em resposta à arbitrariedade praticada contra o ex-presidente Lula por setores do judiciário do País. “É uma medida extrema que condiz com a radicalidade que existe hoje em relação a perseguição que é feita ao presidente Lula – que hoje se encontra preso político em Curitiba -, a perseguição à democracia brasileira que está sendo vilipendiada quando tentam, a todo custo, retirar Lula da disputa eleitoral”, alegou o petista.

Para Leo de Brito, a situação comovente. “Eles estão debilitados, mas estão recebendo o devido acompanhamento médico. Estamos aqui prestando solidariedade nesse momento em que se pede justiça. Espero que as autoridades – sobre tudo o Supremo Tribunal Federal – se sensibilize com esse gesto que está sendo feito em solidariedade humana”, afirmou esperançoso o deputado Leo de Brito.

Na avaliação do deputado Rubens Otoni, o gesto de radicalidade é uma forma de denunciar a toda a sociedade a prática autoritária, os desmandos, o desmonte do Estado brasileiro, a perda de direitos e, em especial, a retirada de liberdade do presidente Lula. “A nossa presença aqui é também no sentido de dar visibilidade a esse ato extremo. Mais do que isso, ajudar na mobilização para que a sociedade possa participar – cada um a seu modo-, e trazer sua contribuição para denunciar esse triste momento do País”, frisou o deputado.

Benildes Rodrigues para o PT na Câmara

Fotos: Gustavo Bezerra

Related Articles

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Últimas atividades

Diretório Regional do Partido dos Trabalhadores do DF

Diretório Regional do Partido dos Trabalhadores do DF

SCS QD 01 Bloco 1 Ed. Central 6 andar

61 3225-5103

contato@ptdf.org.br