Roberto Policarpo: É preciso resgatar o verde e o amarelo

“A taça do mundo é nossa, com brasileiro, não há quem possa”. Com esse refrão comemoramos o primeiro campeonato mundial em 1958.
“Noventa milhões em ação, pra frente Brasil, no meu coração”. Foi com esses versos que fomos contagiados para torcer e vencer o tricampeonato em 1970. Depois fomos tetracampeões em 1994 e pentacampeões em 2002.
Perdendo ou ganhando as diversas copas do mundo que disputamos, torcemos, sofremos, vibramos e comemoramos unidos, irmanados sempre com o verde e amarelo no corpo e muito amor no coração.
Mais uma copa do mundo vai começar e queremos torcer pela nossa seleção com as cores do Brasil. Mas, infelizmente, as cores da nossa bandeira foram sequestradas junto com a nossa soberania, direitos, dignidade e orgulho. Hoje estamos reféns de um bando de golpistas que ocupam cadeiras no parlamento, na presidência e no judiciário, todos vendidos ao mercado e que têm seus lucros multiplicados com o engano e o sofrimento do povo brasileiro.
Querem nos tirar até a alegria de torcer, violentando e corrompendo o nosso amor pelo futebol brasileiro. Para completar a tragédia, dizem ter uma ponte para o futuro, mas a verdade é que o Brasil está de volta ao seu pior passado.
Mas o Brasil é multicolorido e o verde e amarelo é nosso, tanto quanto todas as cores que representam a luta de um povo que, apesar das dificuldades, não perde a alegria de viver.
Neste momento que a seleção brasileira de futebol inicia mais uma campanha por um campeonato mundial na Rússia, precisaremos unir todas as cores, resgatar e libertar o verde e o amarelo.
Torcer pelo Brasil é dizer não ao pato amarelo, dizer sim à democracia e a eleições com Lula Livre e candidato e o país unido com esperança de retomar a verdadeira torcida brasileira.
Rumo ao hexa, vamos pra rua torcer sem medo de ser feliz, desalienar as almas ingênuas que viraram patos e zumbis manipulados. Nossa luta e exemplo irão devolver a bandeira nacional ao povo brasileiro. Não vamos mais permitir que as cores do Brasil sejam sequestradas e capturadas por interesses de poderosos.
O Brasil vai voltar a vestir verde e amarelo com orgulho e esperança de dias melhores.
Mas não conseguiremos apenas torcendo pela seleção na copa do mundo. Conseguiremos quando libertarmos Lula, nosso país e o nosso povo das garras dos golpistas e espertalhões.

Roberto Policarpo

Ex-deputado federal, membro da Executiva do PT-DF – Secretário de Administração e Finanças

Related Articles

Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Últimas atividades

Diretório Regional do Partido dos Trabalhadores do DF

Diretório Regional do Partido dos Trabalhadores do DF

SCS QD 01 Bloco 1 Ed. Central 6 andar

61 3225-5103

contato@ptdf.org.br